Vida

Charlize Theron fala sobre o momento em que a mãe matou o pai à sua frente

Aos 15 anos, o pai de Charlize entrou em casa alcoolizado, com uma arma e tentou atacar a mãe da atriz e a própria. "O meu pai estava tão bêbedo que não sei como conseguiu andar até casa com uma arma", declarou.

A atriz Charlize Theron abordou o pior momento da sua vida, numa entrevista: o momento em que a mãe matou o pai, em legítima defesa.

Em entrevista à NPR, a atriz sul africana disse não sentir vergonha em falar da situação e sente-se bem em saber que ao falar da sua história pode ajudar outras famílias que sofrem de violência em casa. Aos 15 anos, o pai de Charlize entrou em casa alcoolizado, com uma arma e tentou atacar a mãe da atriz e a própria. "O meu pai estava tão bêbedo que não sei como conseguiu andar até casa com uma arma", declarou.

Charlize admitiu que teve de se encostar à porta do quarto, para impedir que o pai entrasse.  "Ele deu um passo atrás e abriu fogo sobre a porta três vezes. Nenhuma das balas nos atingiu, o que é um milagre. Mas em legitima defesa, a minha mãe acabou com a ameaça", contou. 

A atriz admite que a sua família vivia uma "situação desesperante" e que sempre viu o pai como um "homem doente" e "alcoolizado".