Politica

PSD. Encaixe financeiro com quotas pode rondar 600 mil euros

Eleições para eleger novo líder social-democrata conta com mais de 40 mil eleitores. Há dois anos foram 70385 e votaram 42655 militantes.

O PSD terá menos cerca de 30 mil militantes aptos a votar nas diretas de janeiro face a 2018, com um universo de 40476 eleitores. O pagamento de quotas poderá permitir um encaixe financeiro à volta de 600 mil euros para o partido, segundo estimativas feitas ao i por várias fontes sociais-democratas.

Normalmente, a receita de quotas anuais do PSD situa-se à volta dos 300 mil euros (ou menos). Desta vez, e por se tratar de um ato eleitoral há mais 20 mil militantes com quotas em dia do que é habitual. O valor anual da quota é de 12 euros, exceto para a JSD (que paga seis euros anuais), reformados com pensões muito baixas (até um IAS 435,76 euros), ou em casos de doença incapacitante.

Leia aqui a notícia na íntegra.