Internacional

Embaixada norte-americana em Bagdad atacada após ataques aéreos

No domingo, o Pentágono confirmou ter realizado cinco ataques aéreos na Síria e no Iraque.

A embaixada norte-americana em Bagdad, capital iraquiana, foi, na manhã desta terça-feira, invadida e centenas de manifestantes encontra-se na zona. Estes protestos surgem na sequência de um ataque aéreo que os Estados Unidos realizaram este domingo, na Síria e no Iraque. Os cinco ataques, cuja autoria foi confirmada pelo Pentágono, mataram pelo menos 25 pessoas e deixara, 51 feridos.

Segundo a BBC, alguns dos manifestantes conseguiram entrar na embaixada e as forças de segurança usaram gás pimenta para tentar dispersar a multidão de manifestantes.

O embaixador norte-americano e os trabalhadores que se encontravam junto do complexo – que se situa no centro da cidade e é fortemente vigiado e rodeado de muros – foram, segundo a agência Reuteurs, retirados em segurança.