Sociedade

Pai mata filha e fere genro num acampamento em Ovar

Disparo terá sido acidental, mas suspeito colocou-se em fuga.


Uma mulher de 42 anos morreu, terça-feira à noite, vítima de disparo de arma de fogo, efetuado pelo pai num acampamento em Válega, Ovar.

No local estiveram a GNR e a Polícia Judiciária, que tentavam localizar o autor do disparo, que se encontra em fuga numa zona de mato já delimitada pelas autoridades, segundo o Jornal de Notícias.

O disparo feriu uma outra pessoa, que será o genro do suspeito, que teve de ser transportada para o Hospital de São Sebastião, em Santa Maria da Feira, com ferimentos numa orelha.

O autor dos disparos terá matado a filha e ferido o genro inadvertidamente, durante as celebrações do ano novo, ao redor de uma fogueira, segundo o Jornal de Notícias.