Economia

Isabel dos Santos admite problemas no pagamento de salários

Empresária angolana admite estar "preocupada".

O Tribunal Provincial de Luanda decretou o arresto preventivo de contas bancárias pessoais da empresária angolana Isabel dos Santos, de Sindika Dokolo e Mário da Silva, além de nove empresas nas quais detêm participações sociais. Já depois de vários tweets relacionados com este processo, a filha do antigo Presidente angolano José Eduardo dos Santos fez um direto, no Instagram, onde confessou estar "preocupada" e admitiu possíveis dificuldades no pagamento aos fornecedores e colaboradores.

"Estou preocupada. Há pessoas que estão comigo há muito tempo. Penso nelas. São milhares as pessoas que trabalham comigo e que estão com o coração apertado", lamentou, admintindo depois que devido ao arresto não "pode fazer pagamentos". 

"[O arresto] causa muitos problemas. Não há dúvidas de que vai causar muitos problemas. É dinheiro que tem de ser utilizado para trabalhar, não pode ficar parado. Temos de comprar equipamentos, temos de pagar salários, temos de pagar a fornecedores ", disse a empresária, de 46 anos, num vídeo que durou mais de 30 minutos e em que respondeu a várias questões que lhe foram sendo colocadas pelos seus seguidores.

"Fomos apanhados de surpresa. O fim de ano tem sido muito difícil. Em vez de ser um momento de família, tem sido um momento do trabalho", acrescentou ainda.

Isabel dos Santos contou ainda que já falou do assunto com o pai.

"O meu pai está preocupado, mas acredita que em Angola tem de vencer a verdade. O que ele me disse foi: ‘a luta continua, muita coragem’", revelou.