Politica

Humor. Deputado do BE fala em “censura”

Em causa está a decisão do juiz Benedicto Abicar, que ordenou a retirada do episódio de Natal da produtora Porta dos Fundos, da Netflix. 

O deputado do Bloco de Esquerda Pedro Filipe Soares acusou a justiça brasileira de “censura” depois de um juiz ter determinado que a Netflix deve deixar de exibir o especial de Natal da Porta dos Fundos, no qual Jesus Cristo é representado como um jovem homossexual.

“São estas as lutas que teremos de travar, defendendo direitos fundamentais como a liberdade de expressão”, escreveu nas redes sociais.

Recorde-se que o juiz Benedicto Abicar ordenou que o episódio fosse retirado da Netflix, atendendo ao pedido da associação católica Centro Dom Bosco de Fé e Cultura. A plataforma de streaming decidiu recorrer da decisão e o Supremo mTirbunal Federal do Brasil decidiu a seu favor, autorizando, provisoriamente, a exibição do episódio da produtora Porta dos Fundos.