Internacional

Jovem alemão morre depois de colega de trabalho lhe ter envenenado o almoço

O responsável pela morte do jovem, identificado como Klaus O. pelos tribunais alemães, colocou mercúrio e outras substâncias na comida dos colegas, ao longo dos anos.

Um jovem alemão de 26 anos, que tinha sido envenenado por um colega de trabalho, morreu esta quinta-feira, depois de ter estado quatro anos em coma, confirmou o tribunal de Bielfeld às agências alemãs. 

O homem trabalhava numa empresa em Schloss Holte-Stukenbrock, uma cidade a 330 quilómetros de Berlim. O responsável pela morte do jovem, identificado como Klaus O. pelos tribunais alemães, colocou mercúrio e outras substâncias na comida dos colegas, ao longo dos anos. Além da vítima mortal, o homem de 57 anos deixou ainda dois dos seus colegas de trabalho com problemas graves nos rins.

Depois de ter sido apanhado pelas câmaras de videovigilância a colocar um pó suspeito numa sandes de um colega, no local de trabalho, em 2018, o homem foi detido e condenado a prisão perpétua, em março passado.