Vida

Taylor Swift revela que a mãe foi diagnosticada com tumor cerebral

Mãe da cantora estava a lutar contra um cancro da mama que tinha voltado a aparecer quando foi diagnosticada com um novo problema oncológico.

Taylor Swift revelou, esta terça-feira, que a sua mãe, Andrea Swift, foi diagnosticada com um tumor cerebral durante os tratamentos de quimioterapia que estava a fazer devido a um cancro na mama.

Numa entrevista à revista Variety, a cantora contou que a mãe estava a fazer tratamento depois de uma recaída. Andrea Swift, de 62 anos, tinha ultrapassado um cancro da mama, diagnosticado em 2015. Agora acabou por descobrir que terá de enfrentar um novo problema oncológico.

“Quando a minha mãe estava a ser tratada, descobriram-lhe um tumor no cérebro. E os sintomas de um tumor no cérebro são muito diferentes daqueles que já tínhamos ultrapassado com os outros cancros. Foi um período muito complicado para a nossa família”, explicou Taylor Swift.

Assim, a cantora decidiu encurtar a agenda. Nos Estados Unidos, Taylor Swift deverá dar apenas quatro concertos e deverá rumar à Europa, onde vai atuar no Nos Alive, em Portugal, no dia 9 de julho.

“Não sabemos o que vai acontecer. Não sabemos que tratamento vai escolher. É a melhor decisão, neste momento”, considerou.

"Toda a gente ama a mãe; todo a gente tem uma mãe importante", disse- "Mas para mim, ela é realmente a força orientadora. Quase todas as decisões que tomo, converso com ela sobre isso primeiro. Então, obviamente, foi realmente difícil falar sobre a sua doença", rematou.