Economia

Desemprego a subir no final de 2019

INE fixou taxa de desemprego de novembro em 6,7%, o que representa mais 9,8 mil pessoas desempregradas em comparação com o mês anterior. Previsões para dezembro prevêem aumento para 6,9%.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) prevê um aumento da taxa de desemprego para a reta final de 2019. Segundo o gabinete estatístico, o valor de novembro fixou-se em 6,7%, enquanto a previsão para dezembro aponta para uma taxa de desemprego ainda superior de 6,9%.

Em novembro, os 6,7% confirmam aumentos de 0,2% face ao mês anterior e de 0,3% em relação a três meses antes. Ainda assim, este valor representa uma variação homóloga nula, em comparação com o mesmo mês de 2018. Usando como ponto de partida os dados do INE referentes a outubro, a população desempregada aumentou 9,8 mil pessoas (2,9%) e a população empregada diminuiu 10,4 mil pessoas (0,2%), neste período.

A estimativa provisória da taxa de desemprego de dezembro de 2019 é de 6,9%, tendo aumentado 0,2% em relação ao mês anterior – dados que serão apenas confirmados dentro de aproximadamente um mês.