Sociedade

“O difícil hoje é encontrar uma escola a funcionar"

Mário Nogueira apelida o dia 31 de janeiro de 2020 de "Dia de Portugal sem Aulas".


Mais de 90% das escolas do país estão encerradas, esta sexta-feira, devido à greve dos Trabalhadores da Função Pública.  “O difícil hoje é encontrar uma escola a funcionar", afirmou esta sexta-feira o secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, em conferência de imprensa em frente ao Liceu Passos Manuel, em Lisboa. 

Mário Nogueira apelida o dia 31 de janeiro de 2020 de "Dia de Portugal sem Aulas". "As escolas encerradas no país inteiro são mais de 90%", em grande parte devido aos trabalhadores não docentes. Entre os professores, a adesão deverá rondar entre os 75 e os 80%. 

Recorde-se que o protesto por parte dos trabalhadores da função pública se deve à proposta governamental do aumento salarial de 0,3%, à precariedade das carreiras e ao envelhecimento dos profissionais.