Sociedade

Avião que vai resgatar portugueses na China retido no Vietname

Ligações entre os dois países asiáticos foram suspensas. França está a negociar autorização para seguir viagem.

O avião fretado pelo Governo francês para resgatar vários cidadãos europeus, dos quais 17 são portugueses, da cidade chinesa de Wuhan – epicentro do surto do novo coronavírus – está retido em Hanói, no Vietname.

A situação deve-se à suspensão de voos para a China, segundo a SIC Notícias. O Vietname é só o mais recente de vários países que suspenderam as ligações para a China.

A diplomacia francesa está agora a negociar com o regime de Pequim para conseguir ter luz verde para seguir finalmente viagem.

Para além dos cidadãos portugueses, o avião vai repatriar 133 cidadãos de outros 15 Estados-membros da UE: Áustria, Bélgica, Croácia, República Checa, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Letónia, Polónia, Roménia, Eslováquia, Espanha e Suécia.