Sociedade

PSP apreende dezenas de armas após queixa de violência doméstica

A apreensão foi feita em Lisboa.

PSP apreende dezenas de armas após queixa de violência doméstica

Um homem foi detido, este sábado, na sequência de uma denúncia de violência doméstica contra a sua companheira. Durante a operação, foram apreendidas dezenas de armas, segundo a PSP - 56 revólveres de vários calibres e tipos, 11 espingardas de pressão de ar de cano longo e de cano curto, 1.343 munições de vários calibres, 10 soqueiras, cinco punhais longos, quatro mosquetes, três matracas, duas miras telescópicas, uma pistola taser e um bastão extensível.

Em comunicado, a PSP dos Olivais explica que imobilizou o agressor, que se encontrava "alterado e perturbado" e de, devido ao estadio em que este se encontrava, foi internado no Hospital de São José, para que pudesse ser mantido sob vigilância médica.

O agressor e a vítima, de 45 e 44 anos, respetivamente, mantinham uma relação "de mais de uma década". Segundo a PSP, as armas apreendidas vão agora ser sujeitas a "peritagens e análises técnicas para apurar a sua operacionalidade e legalidade, cujos factos de ambas as situações, estão devidamente encaminhados para a autoridade judiciária competente"

Os comentários estão desactivados.