Vida

Já é conhecido o dono da casa mais cara do mundo

Construída em 1830 para o rei Leopoldo da Bélgica,  a mansão com 14 quartos está rodeada por um jardim botânico com cerca de 14.000 espécies de plantas. 

A compra da casa mais cara do mundo gerou muita polémica e foi assunto a nível internacional. Tudo porque o nome do comprador da histórica Villa Les Cedres, na Riviera Francesa, não tinha sido revelado... até agora.

Rinat Akhmetov, o homem mais rico da Ucrânia, e dono do clube de futebol Shakhtar Donetsk, comprou a mansão por 200 milhões de euros, avançou o Financial Times. A sua fortuna está avaliada pela Forbes em 6,7 mil milhões de dólares.

Apesar do preço recorde, o vendedor, o fabricante italiano de bebidas Davide Campari-Milan fez um desconto de 43% no preço a Rinat Akhmetov. Inicialmente, estava a pedir 350 milhões pela mansão mas acabou por aceitar diminuir o valor.

Construída em 1830 para o rei Leopoldo da Bélgica,  a mansão com 14 quartos está rodeada por um jardim botânico com cerca de 14.000 espécies de plantas. A casa conta ainda com uma biblioteca com 3.000 livros, uma piscina, 20 estufas e estábulos para até 30 cavalos. 

Veja algumas das fotografias da casa aqui.