Internacional

Autoridades tailandesas afirmam já ter controlo de centro comercial onde atirador estava barricado

Depois do tiroteio, o militar barricou-se dentro do centro comercial e fez dos trabalhadores e clientes que se encontravam no interior de reféns.  

Facebook

A polícia tailandesa anunciou já ter controlo do centro comercial na Tailândia onde está o atirador que matou pelo menos 20 pessoas e feriu 31, segundo dados divulgados pelo tenente-general Kongcheep Tantrawanit, em declarações ao Bagkok Post.

Depois do tiroteio, o militar barricou-se dentro do centro comercial e fez dos trabalhadores e clientes que se encontravam no interior de reféns.  O suspeito, identificado como Jakrapanth Thomma, transmitiu o ataque num vídeo em direto publicado no Facebook, já eliminado, onde partilhou uma fotografia na qual segura uma arma. "Tão cansado", escreveu na legenda.

Até ao momento as autoridades locais não mencionaram se o atirador foi detido ou se ainda se encontra em fuga