Sociedade

Sentença de Rosa Grilo foi novamente adiada

Nova data está por designar.

A leitura da sentença de Rosa Grilo, acusada de ter matado o marido, o triatleta Luís Grilo, foi, esta quinta-feira, novamente adiada, pelo Tribunal de Loures.

O adiamento deve-se à audição de duas testemunhas, um pedido da arguida feito depois de o tribunal ter comunicado uma alteração não substancial dos factos.

As testemunhas serão ouvidas no dia 18 de fevereiro, mas a nova data da sentença ainda está por designar.