Sociedade

Estudo revela que quem teve mais de 10 parceiros sexuais tem maior probabilidade de ter cancro

As mulheres que tenham tido relações sexuais com mais de 10 pessoas têm maior probabilidade de sofrer de cancro do que um homem que tenha tido mais de 10 parceiras sexuais.

Um estudo publicado na revista britânica BMJ Sexual & Reproductive Healt afirma que as pessoas que tiveram mais de 10 parceiros sexuais têm uma maior probabilidade de vir a desenvolver um cancro.

De acordo com os especialistas do Reino Unido, da Áustria, da Turquia, do Canadá e de Itália as mulheres que tenham tido relações sexuais com mais de 10 pessoas têm mais probabilidade de sofrer de cancro do que um homem que tenha tido mais de 10 parceiras sexuais, algo que os cientistas estranharam visto os homens terem mais parceiros sexuais do que as mulheres. 22% dos homens inquiridos revelaram ter tido 10 ou mais parceiras sexuais. Das mulheres inquiridas, apenas 8% revelou ter tido mais de 10 parceiros sexuais.

As mulheres que tiveram mais de 10 parceiros sexuais aumentam a probabilidade de vir a ter cancro em 91% comparativamente às mulheres que tiveram apenas um ou nenhum parceiro sexual. Já os homens que tiveram mais de 10 parceiras sexuais aumentam a probabilidade de vir a ter cancro em 69% comparativamente aos inquiridos que tiveram apenas uma ou nenhuma parceira sexual. 

O estudo analisou mais de 5 mil cidadãos britânicos, de ambos os sexos. Os inquiridos que revelaram ter mais parceiros sexuais são mais novos, a grande maioria afirma beber frequentemente e praticar mais atividade física.