Internacional

Xi Jinping admite que coronavírus é a mais grave emergência de saúde desde 1949

Chefe de Estado chinês disse que o surto do novo coronavírus “é uma crise”.

O Presidente da China, Xi Jinping, admitiu, este domingo, que o surto do novo coronavírus é a mais grave emergência de saúde na China desde a fundação do regime comunista, em 1949, e reconheceu “lacunas” na resposta ao Covid-19.

Em declarações transmitidas pela televisão estatal, o chefe de Estado chinês disse que o surto do novo coronavírus “é uma crise”, bem como uma “enorme prova” para as autoridades chinesas.

Recorde-se que na China continental mais de 2.400 pessoas já morreram devido ao Covid-19 e quase 77.000 foram infetadas.

Em comparação à epidemia de SARS (síndrome respiratória aguda grave), que em 2002-2003, também detetada inicialmente na China, o novo coronavírus tem-se revelado "muito difícil de prevenir e de controlar".