Sociedade

Ordem dos Médicos quer hospitais exclusivos para o coronavírus

Proposta de preparar hospitais dedicados somente ao Covid-19, à semelhança do que se fez na China, partiu da Ordem dos Médicos e já foi feita ao Governo, revelou ao SOL o bastonário, Miguel Guimarães.

Para a Ordem dos Médicos, a preparação para um cenário em que a epidemia escale deve começar já e passar pela definição de hospitais dedicados em exclusivo para o coronavírus, separando assim os doentes com esta infeção dos restantes, sobretudo população mais idosa.

O bastonário dos Médicos revelou ao SOL que a proposta foi feita à tutela. Se na China se construíram hospitais de raiz, Miguel Guimarães defende que em Portugal poderia ser acautelada a preparação de algumas unidades para acolher estes doentes, planeando-se desde já a transferência dos doentes que hoje estão nestas instituições para outros hospitais.

«Se tivermos equipas e hospitais dedicados a tratar estes doentes, há menor risco de infeção de outras pessoas e seria até uma forma de transmitir mais confiança à população quando está no hospital», defende Guimarães, argumentando ainda que se tornaria mais fácil a gestão de material de proteção.