Internacional

Homem que fazia espetáculos com cobras venenosas há 15 anos morreu na sequência de uma mordidela

A vítima era conhecida como “Rei das Montanhas”.

Um homem, conhecido como “Rei das Montanhas”, morreu vítima de uma picada de uma serpente venenosa, com quem estava habituado a viver há mais de 15 anos, avançou um médico de uma unidade hospitalar em Angola, Carlos Vicente, citado pela agência Lusa.

O acidente ocorreu no município de Andulo, em Angola. O homem estava a fazer uma apresentação com o animal quando foi mordido num dos braços. Mesmo assim, este decidiu continuar com o espetáculo. Só horas depois, quando o braço começou a ficar inflamado, é que este pediu ajuda médica.

O homem acabou por morrer a caminho do Hospital Municipal de Andulo.