Sociedade

Jovem de Santa Maria da Feira com Covid-19 foi três vezes às Urgências

Não se sabe com “quantas pessoas terá estado em contacto, das três vezes em que esteve nas urgências"


Uma jovem de 17 anos fez soar os alarmes das autoridades de saúde de Santa Maria da Feira depois de ter ido três vezes às urgências com sintomas gripais e de não ter sido validada como suspeita de Covid-19, inicialmente pelo corpo clínico e depois pela DGS, mesmo depois de ter sido identificada com um problema grave nas vias respiratórias.

Foi só na terceira ida às urgências que os médicos do Hospital de São Sebastião decidiram internar e isolar a adolescente. Foi-lhe feito um raio-X, que demonstrou pneumonia grave bilateral, mas mesmo assim a DGS voltou a não dar prioridade na realização do teste, “apesar de sido informada, nesse dia, de que a jovem havia estado em contacto com colegas que tinham regressado de uma viagem a Milão, mas que não tinham sintomas da doença", explicou fonte hospitalar ao Jornal de Notícias, que avança a notícia.

Na terça-feira de manhã acabou por ser feita análise para Covid-19 e os resultados chegaram ao início da noite e  a doente foi transferida para o Hospital de São João, no Porto.

A mesma fonte adiantou que não se sabe com “quantas pessoas terá estado em contacto, das três vezes em que esteve nas urgências".

O Jornal de Notícias adiantou ainda que a Escola Secundária de Santa Maria da Feira emitiu um comunicado a informar que estará fechada até sexta-feira, "por indicação da delegada de saúde" do Agrupamento de Centros de Saúde Feira/Arouca, devido ao internamento de um aluno suspeito de Covid-19.