LifeStyle

TVI adia estreia de Big Brother

O programa conduzido por Cláudio Ramos deveria estrear no dia 22 de março. “A TVI tomou a decisão que se impunha. A decisão certa”, considera o apresentador

Depois de alguma incerteza, a TVI tomou a decisão de adiar a estreia do reality-show Big Brother. “Perante a situação crescente de risco e incerteza que Portugal e o mundo atravessam, e depois de uma avaliação responsável e sensata, entendemos adiar a estreia do 'BB 2020'",  lê-se num comunicado emitido pela estação de Queluz enviado à imprensa.  "(...) A seu tempo será anunciada uma nova data de estreia", diz a nota.

Nuno Santos, diretor de programas da TVI, aproveitou o comunicado para deixar a toda a equipa que está a trabalhar no formato um "agradecimento e uma palavra de confiança".

"Ao Cláudio Ramos em particular, pelo seu invulgar empenho, capacidade de trabalho e convicção no projeto deixo aqui uma palavra especial: a fibra dos grandes profissionais vê-se nos momentos adversos", nota o diretor de programas.

“A TVI tomou a decisão que se impunha. A decisão certa. Perante a situação crescente de risco e incerteza que Portugal e o mundo atravessam”, escreveu pro sua vez o apresentador nas suas redes sociais. “O Big Brother é o programa de televisão que, à escala global, tem o dispositivo de produção mais complexo - ao todo estão neste projeto 150 profissionais”, diz, afirmando que não obstante terem tomado todas as precauções pedidas pelo Governo, esta é a única decisão que se coaduna com o atual momento.