Internacional

Duplicaram as mortes por Covid-19 aqui ao lado

Já se compara a comunidade de Madrid ao norte de itália, uma das regiões mais afetadas pelo novo coronavírus, e os soldados foram postos a desinfetar locais de risco.

Em 24 horas as mortes devido ao Covid-19 mais que duplicaram em Espanha, de 136 para 288. O aumento coincidiu com uma explosão no número de casos, com mais 1700 novos pacientes nesse período, num total de quase oito mil.

A comunidade de Madrid continua a ser o centro do surto - 213 dos mortos são de lá. Na imprensa espanhola, Madrid já é comparada ao norte de Itália, a região mais afetada na Europa, e nem o Governo central escapou: foi infetada a ministra da Igualdade, Irene Montero, e a mulher do primeiro-ministro Pedro Sánchez, Begoña Gómez.

Entretanto, Espanha anunciou restrições ao estilo de Itália. Ou seja, durante pelo menos 15 dias os 47 milhões de espanhóis só podem sair de casa para trabalhar, quando não seja possível o teletrabalho, comprar comida, medicamentos, receber cuidados médicos ou em caso de emergência. Os soldados já estão nas ruas, assegurar o cumprimento das regras e desinfetar locais de risco.

“Não podemos esperar mudanças que melhorem a situação dentro de duas semanas, quando esperamos que as medidas de distanciamento social comecem a fazer efeito”, explicou ao El País Jesús Rodríguez Bãno, presidente da Sociedade Europeia de Microbiologia Clínica e Doenças Infeciosas.