Sociedade

Presidente do CDS alista-se como voluntário das Forças Armadas

"Não sou de me esconder nos momentos difíceis nem de virar as costas ao meu País", escreveu o lider do partido na sua página oficial de Facebook.

O CDS anunciou este sábado que o presidente do partido decidiu alistar -se nas Forças Armadas. A decisão foi tomada após o apelo do Estado-Maior das Forças Armadas para pedir voluntários para o combate ao novo coronavirus.

Segundo o mesmo comunicado, o líder do CDS vai conciliar as funções de voluntário como as de presidente do partido enquanto se mantiver o estado de emergência. Francisco Rodrigues dos Santos estudou oito anos no Colégio Militar antes de se formar em direito.

"Portugal está a sofrer contra um inimigo implacável, silencioso e invisível, que temos de saber combater enquanto Nação, somando o melhor de cada um de nós. Não sou de me esconder nos momentos difíceis nem de virar as costas ao meu País", escreveu o lider do partido na sua página oficial de Facebook.

"Este é o momento de dar o exemplo e passar das palavras aos actos. É como português que afirmo a minha total disponibilidade para defender o nosso povo e honrar Portugal na primeira linha da resistência ao novo Coronavírus", conclui.