Sociedade

Encontrado macaco acorrentado em quintal em Cascais

PSP foi chamada ao local.


Um macaco foi mantido dentro de um quintal de uma habitação em São Domingos de Rana, em Cascais. A denúncia foi feita pelo IRA - Intervenção e Resgate Animal.

O animal encontrava-se acorrentado num espaço partilhado com, pelo menos, um cão e o quintal estava com vários dejetos de animais. “Denúncia para um primata não humano, acorrentado num quintal de uma habitação em São Domingos de Rana, Cascais. Após deslocação ao local, verificou-se a existência de um Sarapiteco Mona num quintal em condições de insalubridade”, refere a publicação do IRA no Facebook.

A Polícia de Segurança Pública (PSP) acabou por se dirigir ao local.

“Sendo totalmente proibida a detenção de espécies exóticas por particulares, para fins de companhia e entretenimento pessoal, foi solicitada a presença da 56ª esquadra da PSP (São Domingos de Rana) e o ICNF, tendo comparecido somente a PSP e tendo sido estabelecido o contacto telefónico com os técnicos do ICNF por consequência da declaração do Estado de Emergência e impossibilidade de comparência”, explica.

“Sendo o ICNF uma das autoridades competentes para a fiscalização e apreensão deste tipo de animais, ficou nomeado fiel depositário o seu atual detentor, até à data para fiscalização e diligências em conformidade pela autoridade supra referida, esperando o IRA que sejam efetuadas com a maior brevidade possível dado o estado de saúde do animal e espaço onde se encontra alojado. A relocalização deste animal por parte do detentor constituirá um crime de desobediência”, remata.