Economia

Covid-19. Uso do cartão de crédito dispara entre os portugueses

Os pagamentos com cartão de crédito “devem ultrapassar os 32% até final da segunda fase do estado de emergência (dia 17 de abril). O valor médio das compras feitas pelos portugueses aumentou 61%.

 

Os pagamentos em cartão de crédito dispararam desde o início do estado de emergência, segundo os dados da fintech EuPago.

Os pagamentos com cartão de crédito cresceram “15,8% em 15 dias e devem ultrapassar os 32% até final da segunda fase do estado de emergência [no dia 17 de abril] em detrimento de meios mais utilizados até então como o PayPal e o MBway”, lê-se no relatório, que “as pessoas estão a comprar muito, mas querem ‘segurar’ o dinheiro, e, claramente, o cartão de crédito deixou de ser um recurso residual nos sistemas de pagamento usado pelos portugueses para assumir uma curva de crescimento bastante acentuada”.

O valor médio das compras feitas pelos portugueses nos primeiros 15 dias do estado de emergência aumentou 61%, passando de 25,54 euros para 40,94 euros.