Economia

Covid-19. Férias podem ser marcadas até dez dias após o fim do estado de emergência

O Governo adiou o prazo para a marcação de férias que terminava a 15 de abril. O estado de emergência termina a 17 de abril.

O Governo decidiu alargar o prazo para a marcação de férias, que terminava a 15 de abril. A nova data ficou fixada até dez dias após o fim do estado de emergência – que, caso não volte a ser renovado, seria a 27 de abril.

No comunicado do Conselho de Ministros, lê-se que a medida vai permitir “possibilitar que a aprovação e afixação do mapa de férias se realize até 10 dias após o termo do estado de emergência”.

Recorde-se que o estado de emergência, na sequência da pandemia de covid-19,  foi renovado em Portugal e vai terminar às 23h59 de 17 de abril.