Vida

Conor McGregor critica Governo chinês: "Verdeiramente horrendo"

Em questão está uma encomenda feita pelo Governo irlandês à China. 

Conor McGregor, lutador da UFC, fez uma partilha nas redes sociais a criticar o Governo chinês, depois de a Irlanda, país  onde nasceu e reside, ter encomendado material para ajudar a combater a covid-19 à China e este ter chegado com defeito.

"Isto é verdadeiramente horrendo. Os preços estão a ser inflacionados por essas pessoas em todos os produtos. Máscaras, viseiras, luvas, ventiladores, respiradores, botijas de oxigénio, monitores, o que quiserem. Tudo com o preço adulterado", começou por escrever o lutador da UFC na sua conta oficial de Twitter. "Os lotes destes itens estão a chegar e não servem para nada. É um comportamento ridiculamente desumano", criticou.