Sociedade

Costa defende que não existem condições para reabertura das escolas

Informação terá sido comunicada durante reunião no Infarmed, apurou o SOL.

O primeiro-ministro considera que não existem ainda condições para retomar já as aulas presenciais e que as escolas deverão continuar de portas fechadas, mantendo-se as medidas de contenção para alunos e professores.

Sabe o SOL que terá sido essa mesma informação que António Costa passou, esta terça-feira, na reunião com outros governantes nas intalações do Infarmed, onde esteve reunido com vários responsáveis para analisar a evolução do surto em Portugal.

As escolas estão encerradas desde 16 de março por decisão do Governo, com o objetivo de conter a propagação da covid-19. 

A decisão do Governo deverá ser anunciada brevemento, recorde-se que na altura em que foi decretado o encerramento das escolas, Costa adiantou que situação voltaria a ser analisada até o dia 9 de abril, próxima quinta-feira.