Politica

PSD vota contra libertação de presos

Rui Rio discorda dos critérios definidos pelo Governo e não quer presos na rua. "É para ficarem presos nas suas casas", diz presidente do PSD. 

 

 

O PSD vai votar contra a proposta do Governo para a libertação de presos. "Se ficar como está votamos contra", disse o líder do PSD.

Rui Rio discorda dos critérios definidos pelo Governo para a libertação de presos e entende que a medida só deveria abranger os reclusos mais velhos ou mais vulneráveis a nível de saúde.

O presidente do PSD defendeu ainda que os reclusos libertados devem ficar em prisão domiciliária. “Não é para a rua. É para ficarem presos nas suas casas. Se corre risco de vida na prisão deve ir para casa”, afirmou.

O PSD vai apresentar uma proposta alternativa que aponta apenas para a libertação dos grupos de risco.

Os socialistas lamentam que o PSD esteja fora do consenso, mas não se mostraram disponíveis para aceitar as propostas de Rui Rio. Constança Urbano de Sousa, deputada do PS, explicou, em conferência de imprensa, que “há muitos reclusos do grupo de risco” que não podem ser libertados porque cometeram crimes graves.