Internacional

Empresa de Trump suspende contrato a 560 funcionários

Funcionários de um resort na zona de Miami vão ter o seu salário ou emprego suspenso devido à pandemia de covid-19

Cerca de 560 trabalhadores de um complexo hoteleiro na zona de Miami vão ter o seu salário ou emprego suspenso face à pandemia de covid-19, notificou, esta quarta-feira, a empresa Trump Miami Resorts Management às autoridades do estado da Florida e do condado Miami-Dade.

O resort, uma das empresas do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, situado na cidade de Doral, está temporariamente encerrado, pelo que apenas os trabalhadores essenciais continuam a desempenhar funções.

Na nota divulgada pela imprensa local, a medida é temporária e os funcionários já têm todos conhecimento desta situação.

Recorde-se que após ter assumido a presidência em janeiro de 2017, Trump delegou a gestão das suas empresas aos seus filhos e colaboradores.