Desporto

UEFA liberta 236,5 milhões de euros para as Federações

"A indústria do futebol enfrenta um desafio sem precedentes originado pela crise da covid-19"

O Comité Executivo da UEFA aprovou esta segunda-feira a transferência de 236,5 milhões de euros para serem distribuídos pelas 55 federações que compõem o organismo que tutela o futebol europeu.

As federações irão receber um valor de até 4,3 milhões de euros, que serão pagos ao longo desta época e também da próxima, para “responder de forma apropriada ao desafio da crise trazida pela covid-19”, lê-se no comunicado assinado por Aleksander Ceferin.

"A indústria do futebol enfrenta um desafio sem precedentes originado pela crise da covid-19. A UEFA tem o dever de ajudar as suas federações-membro a responder a isto de formas que sejam apropriadas às circunstâncias específicas", diz a nota.

"Acredito que esta é uma decisão responsável e que, mais uma vez, mostra que a UEFA está disponível para tomar a iniciativa e ajudar a comunidade futebolística quando surgem problemas. Estou orgulhoso da união que o mundo do futebol tem mostrado ao longo desta crise", acrescenta.

Os fundos são provenientes do programa HatTrick, criado pelo organismo após o Euro 2004 - no total já disponibilizou mais de 2,6 mil milhões de euros às federações que fazem parte da UEFA.