Desporto

Jonas fala sobre últimos meses no Benfica: "Foram quatro meses de muito sacrifício"

Jogador relembra problema nas costas, que chegaram a impedir que viajasse de avião

Jonas deu uma entrevista à UOL Esporte em que falou dos últimos tempos que passou no Benfica.

O antigo avançado, que conquistou quatro campeonatos em cinco épocas no clube da Luz, revelou que os últimos quatro meses foram muito duros devido ao crónico problema de costas, que chegou a impedi-lo de treinar ou até viajar de avião, para acompanhar a equipa nos jogos da Liga Europa.

"Foram quatro meses de muito sacrifício de minha parte, da parte do treinador. Valeu a pena, fomos coroados com o título nacional e hoje vejo e sei que valeu o esforço. Foram quatro meses de muita dor, havia várias vezes que eu nem treinava, ficava só a fazer fisioterapia. Na Liga Europa eu nem viajava por ter de ir de avião face às más posições para as minhas costas. Foi terrível, mas valeu a pena, fomos campeões", disse o ex-jogador, agora com 36 anos.

"Eu estava a sofrer com as lesões nas costas já há uns dois anos e isso acabou por travar as minhas costas. Eu não consegui fazer nada, já era a terceira ou quarta vez e eu tinha chegado ao limite. Disse que já tinha dado tudo, mas era um momento difícil na temporada. Tinha mudado o treinador no Benfica, o treinador que pegou a equipa estava na equipa B e tivemos uma conversa muito boa, muito franca. Ele disse que iria ajudar-me. Pediu para eu ficar por ser muito experiente, pelo respeito", confessou o Pistolas.