Internacional

Rússia regista maior número de óbitos diários desde o início da pandemia

Por outro lado, foi registado o menor número de casos diários no país liderado por Vladimir Putin.

Nas últimas 24 horas, foram registados 135 óbitos relacionados com a covid-19 na Rússia, o número mais elevado desde o início da pandemia. Por outro lado, pela primeira vez, o número de doentes diminuiu - menos 633 casos ativos do que ontem. Na terça-feira, existiam 220.974 casos ativos. Esta quarta-feira, existem 220.341. Foi atingindo ainda outro recorde: esta quarta-feira, foi registado o menor número de casos diários de covid-19 no país - 8.764 novos casos .

No total, 308.705 pessoas foram infetadas pelo novo vírus, fazendo assim do país liderado por Vladimir Putin o segundo país com maior número de casos, após os EUA. No entanto, comparativamente ao número de casos registados, o número de óbitos é relativamente baixo: 2.972. Esta diferença já criou uma grande polémica e vários críticos do Governo de Putin acusam o país de estar a esconder o verdadeiro número de óbitos. No entanto, as autoridades de saúde negam tais acusações e explicam que enquanto outros países incluem nos óbitos provocados pelo covid-19 todas as pessoas infetadas pelo novo vírus, na Rússia apenas são incluídas as mortes cujo motivo principal foi o novo coronavírus.