Internacional

Regina Duarte abandona Governo brasileiro

A ministra da Cultura alegou "motivos pessoais"

Depois de ter estado envolvida em várias polémicas, Regina Duarte, a ministra da Cultura brasileira, demitiu-se. O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, anunciou a sua demissão, alegando motivos pessoais. A actriz irá dirigir agora a Cinemateca de São Paulo.

Bolsonaro explica que Regina Duarte “sente falta da família” e por isso pediu para abandonar o cargo no Governo que desempenhava desde o início de Março. “Para que ela possa continuar contribuindo com o Governo e a cultura brasileira, assumirá, em alguns dias, a Cinemateca em São Paulo”, escreveu ainda o Presidente. 

Regina Duarte é contra o confinamento de toda a população para combater a propagação da covid-19, como Bolsonaro, algo que deixou muitos brasileiros contra a ministra. Mais recentemente, a falta de apoio ao setor cultural deixou muitos artistas e membros da população contra Regina Duarte. Quando foi confrontada com a situação, numa entrevista com a CNN Brasil, com um vídeo da atriz Maitê Proença, a ministra revoltou-se e acusou o canal de a enganar.