Internacional

NASA procura voluntários para estudar efeitos de viver em Marte na população

O objetivo da experiência é estudar as consequências do isolamento espacial nos voluntários.

A NASA está à procura de voluntários para poderem analisar os efeitos da vida em Marte, durante oito meses, e analisarem um possível futuro da humanidade no Planeta Vermelho.

"Os astronautas experimentam vários aspectos de isolamento social e confinamento durante as suas missões. Os investigadores da NASA estão a trabalhar para desenvolver métodos e tecnologias para mitigar e combater possíveis problemas relacionados em futuras missões espaciais", pode ler-se no site oficial da NASA.

O objetivo da experiência é estudar as consequências do isolamento espacial nos voluntários. Os participantes terão de viver em divisões pequenas que pretendem simular as condições de uma aeronave.

"Os participantes irão experimentar vários aspetos ambientais semelhantes aos dos astronautas devem experimentar em futuras missões a Marte. Uma pequena equipa internacional viverá isolada por oito meses, realizando pesquisas científicas, usando a realidade virtual e realizando operações robóticas entre várias outras tarefas durante a missão lunar. Os resultados de missões terrestres ajudam a NASA a preparar-se para os desafios da vida real da exploração espacial e a fornecer dados científicos importantes para resolver alguns desses problemas e desenvolver contramedidas", pode ler-se ainda.

A experiência vai ter lugar em Moscovo, na Rússia. Para se poder candidatar, necessita de ser um cidadão norte-americano, ter entre 30 a 55 anos, falar inglês e russo, ter tido treino militar ou um curso universitário.