Sociedade

Homem condenado a 23 anos pela morte da ex-namorada

Crime ocorreu no ano passado, em Alvarenga, concelho de Lousada. Vítima foi atingida na cabeça por dois tiros de caçadeira. 

Um homem, de 31 anos, foi condenado a 23 anos de prisão efetiva pela morte da ex-namorada, de 26 anos. O crime ocorreu no ano passado, em Alvarenga, concelho de Lousada, quando a vítima foi atingida na cabeça por dois tiros de caçadeira na via pública. Antes deste crime, o homem agora condenado já tinha disparado contra um veículo onde seguia a ex-namorada e o seu atual companheiro. Nessa altura, a vítima ficou apenas com ferimentos ligeiros e o homem foi condenado pelo crime de homicídio na forma tentada. 

O Tribunal de Penafiel condenou ainda o agressor pelos crimes de violência doméstica, ofensas à integridade física e detenção de arma proibida. Ficou igualmente provado em tribunal que a jovem morta em julho do ano passado foi vítima de violência doméstica, física e psicológica, durante o período em que viveu com o homem agora condenado - até 2017.