Vinagrete

OMS e China

Pelos vistos, a China não deu realmente toda a informação à OMS, que o sabia, mesmo ao elogiá-la em público.

Trump sabe, como qualquer um saberia (sem ser preciso recorrer ao velho anexim de ‘ o teu filho que seja o inteligente, e o meu o esperto’), que convém temperar as suas diatribes palermas com alguma coisa menos idiota, que os seus serviços (em particular, os secretos), lhe deem: e a sua cruzada contra a OMS poderá ser uma das coisas que o beneficiará. Não o acusar sem nenhuma prova a China de ser responsável pela disseminação do novo coronavírus.

Mas esta de se meter nas relações da China com a OMS, com a Europa parada no meio, parece boa. Sobretudo agora, que parece confirmar-se (pelos próprios dirigentes da OMS) que a China não tem sido um parceiro honesto da OMS (que hesita entre acusá-la e defendê-la, embora tenha acabado sempre por a defender, o que parece mais fácil enquanto o único adversário for Trump) neste luta contra a Covid 19. Nalguma coisa o homem, entre tantos desvarios, haveria de acertar, mesmo que com responsabilidades alheias. Pelos vistos, a China não deu realmente toda a informação à OMS, que o sabia, mesmo ao elogiá-la em público.

Em tudo o resto, desde a luta racial aos países mais desenvolvidos, tem sido um desastre