Sociedade

GNR apreende arma de fogo acessível a menores em Braga

A criança de cinco anos terá alegadamente disparado a arma, de acordo com as autoridades.

Uma criança de cinco anos tentou alegadamente disparar uma arma de fogo, em Crespos, Braga, que acabou por ser apreendida pela GNR, no passado dia 2, depois de ter sido feita uma denúncia sobre a criança e outro menor, de sete anos, terem acesso livre à arma. 

De acordo com as autoridades, e a arma "não se encontrava nas devidas condições de acondicionamento, nomeadamente num cofre, com cadeado no gatilho", pode ler-se numa publicação da Comando Territorial da GNR no Facebook, que alertou para a importância de manter as armas de fogo longe das crianças.  

O "portador que se separe fisicamente da arma de fogo deve colocá-la no interior de um cofre ou armário de segurança não portáteis, sempre que exigido. Nos casos não abrangidos pelo descrito anteriormente, deve o portador retirar à arma peça cuja falta impossibilite o seu disparo, que deve ser guardada separadamente, ou apor-lhe cadeado ou outro mecanismo que impossibilitem o seu uso, ou fixá-la a parede ou a outro objeto fixo por forma que não seja possível a sua utilizaçã", acrescenta a GNR. 

Durante as diligências, foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária, que resultou na apreensão de uma arma de alarme e um carregador com cinco munições.Os factos foram ainda comunicados ao Tribunal Judicial de Braga e à Comissão Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Braga.