Economia

Produção industrial cresceu 4,4% na China

Os dados divulgados pelo Gabinete Nacional de Estatísticas (GNE) chinês, está abaixo das previsões dos analistas, que apontavam para um crescimento de de 5%.

 A produção industrial da China registou, em maio, um crescimento homólogo de 4,4%, um sinal da recuperação da economia chinesa, depois da forte queda no primeiro trimestre, devido às medidas para travar a pandemia da covid-19.

Os dados divulgados pelo Gabinete Nacional de Estatísticas (GNE) chinês, está abaixo das previsões dos analistas, que apontavam para um crescimento de de 5%.

Entre as três principais categorias em que o GNE divide este indicador, destaca-se o crescimento dos setores da eletricidade, aquecimento, gás e água, que cresceram 3,6% em relação ao ano anterior, em maio.

A indústria de transformação cresceu 5,2%, enquanto a indústria de mineração aumentou 1,1%.

As estatísticas chinesas compararam ainda os dados de 41 subsetores industriais, entre os quais 30 experimentaram um aumento da atividade, em maio, em comparação com o mesmo mês de 2019.