Internacional

Ex-assessor de Flávio Bolsonaro detido

Fabrício Queiroz é uma peça chave do alegado esquema de corrupção que envolve o filho do Presidente brasileiro. Foi detido em casa do advogado do clã Bolsonaro.

Detenção

Fabrício Queiroz, peça chave dos alegados esquemas de corrupção envolvendo Flávio Bolsonaro, filho do Presidente brasileiro, foi detido pela polícia, após meses em fuga. Foi encontrado em Atibaia, no interior de São Paulo, em casa do advogado da família Bolsonaro, Frederick Wasseff. Já vivia lá há cerca de um ano, contou o caseiro à polícia, segundo a G1.

Entre os crimes de que Queiroz, um ex-assessor de Flávio, está acusado, incluem-se lavagem de dinheiro e a chamada “rachadinha”. Ou seja, quando um político eleitos como Flávio, que é senador estadual, contratam assessores fantasmas, para ficar com parte do seu salário. Queiroz chamou a atenção devido a uma movimentação atípica de 1,2 milhões de reais (200 mil euros) nas suas contas, sendo suspeito de ser um testa de ferro do filho do Presidente. 

A detenção de Queiroz, apreendido com dois telemóveis, arrisca ser um duro golpe para a família presidencial. De tal maneira que nem os agentes políciais envolvidos foram informados de quem iam prender, “para não haver nenhum tipo de vazamento”, contou o responsável pela operação, Osvaldo Nico Gonçalves, à CNN.