Economia

Sustentabilidade: um dos pilares da Altice

São várias as iniciativas transversais promovidas pela empresa que contribuem para a redução energética e da pegada ecológica.

A Altice Portugal tem vindo a contribuir para o desenvolvimento do país, apoiando e assumindo um papel central nos mais diversos desafios que o país tem vindo a enfrentar. Assente na importância da ética e dos valores, passando para um significado ‘verde’, pela urgente sensibilização para as questões de alterações climáticas do planeta, “sustentabilidade” transforma-se, no século XXI, numa filosofia para tudo o que fazemos e como fazemos.

Sustentabilidade é agora uma filosofia de vida e a operadora tem vindo a acompanhar todo este processo, incorporando essa estratégia de forma oportuna nas diferentes áreas onde atua. E a operadora não deixa margens para dúvidas: «Ser sustentável implica analisar as atitudes e processos internos da organização, não descurando a responsabilidade com as comunidades, apoiando o seu desenvolvimento e apostando em produtos e em serviços que constituam uma mais-valia para o crescimento sólido, olhando em prospeção e antevisão as melhores oportunidades de futuro».

A pensar nisso, a empresa tem levado a cabo um forte investimento com vista a ter as fornecer as melhores redes para todos, fazendo chegar melhor e mais longe a qualidade de serviço e todo o potencial de desenvolvimento que a transformação digital enceta para as comunidades.

Com práticas, processos, produtos e serviços inovadores, que vai desenvolvendo, transformando e aperfeiçoando, ouvindo as pessoas, parceiros, empresas e stakeholders em geral, a Altice Portugal tem pautado a sua atuação por um esforço de redução dos impactos ambientais. Também com as redes de nova geração para todo o país, equipamentos energeticamente eficientes, sistemas de iluminação e de climatização inteligentes.

A cultura de sustentabilidade interna da operadora tem uma responsabilidade externa acrescida, ao impactar, não só nos clientes, mas também em todos os que estão interligados com o universo Altice.

Exemplo disso, são várias as iniciativas transversais promovidas pela empresa que contribuem para a redução energética e da pegada ecológica, nomeadamente incentivando os colaboradores a adotarem comportamentos ambientalmente responsáveis. É o caso da substituição de copos de plástico nos dispensadores de água por canecas de inox oferecidas aos colaboradores, mercado biológico da Altice Portugal, recolha de bens, ações de plantação de hortas e ações de sensibilização ambiental e limpeza de praias, entre outras.

O que é certo é que a estratégia de sustentabilidade da empresa está em linha com os objetivos de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas, definidos para apoiar e agir de acordo com os 10 princípios do Pacto Global das Nações Unidas na área de direitos humanos, práticas laborais, meio ambiente e combate à/prevenção da corrupção.

Exemplos de Projetos e Ações
Um dos exemplos de projetos e ações da Altice é o relatório de sustentabilidade que a empresa divulga anualmente. Mas não só. Também o comité de sustentabilidade da Altice Portugal faz parte dessa estratégia. Recentemente, no Dia Mundial do Ambiente, a Altice Portugal reforçou a sua operação na área de sustentabilidade, anunciando, a criação de um Comité de Sustentabilidade. Pela importância que reveste para a organização, o Comité de Sustentabilidade será coordenado pelo chief corporate officer da Altice Portugal (CCO) e constituído por inúmeras figuras das áreas de gestão da empresa, bem como por diversas entidades e personalidades externas da sociedade civil. João Zúquete da Silva considera que «uma empresa com a dimensão e expressão da Altice Portugal não pode ficar à margem de um tema tão relevante para a sociedade como é o da sustentabilidade, seja ela económica, social ou ambiental. A criação deste Comité é mais um passo concreto dado nesse sentido e que contribuirá para que a Altice Portugal possa transpor a sua capacidade de inovação num claro contributo para um futuro mais sustentável e inclusivo». 
A empresa aderiu ainda ao Lisboa Capital Verde Europeia 2020 – Ação Climática Lisboa 2030.

A par da sua organização interna, a Altice está presente no United Nations Global Compact (UNGC) desde 2004, sendo o mais antigo membro do setor em que atua a integrar esta organização. A operadora está fortemente empenhada em apoiar na criação e desenvolvimento de um mundo melhor para todos e tem uma grande ambição na sua estratégia de sustentabilidade, tanto a nível interno, na organização, como externo, junto das comunidades, pensando no futuro de todos, no planeta como a nossa casa.

Outro exemplo é o SAPO que comemorou o Dia Mundial do Ambiente com o lançamento de uma nova tab na sua homepage – Planeta – dedicada ao tema da sustentabilidade. 

Já a MEO tem levado a cabo um conjunto de ações com foco no ambiente e na sustentabilidade. Sob o mote The Unwanted Shapes, a marca procurou alertar para a problemática da utilização excessiva de plástico, convidando todos os fãs da modalidade a associarem-se a esta causa ambiental. 

Existe ainda o mercado tradicional da Altice Portugal que é amigo do ambiente e ajuda os visitantes a reduzirem a sua pegada ecológica. Com compras a granel, os consumidores levam apenas a quantidade que necessitam, evitando assim o desperdício e reduzindo o número de embalagens utilizadas. 

Junta-se, desde o verão de 2018, uma Coruja da Torre que escolheu o pórtico de entrada do recinto do MEO Sudoeste para viver e dar à luz três crias. Em 2019 todos os festivaleiros foram desafiados a ajudar a tornar o recinto e campismo do MEO Sudoeste no habitat ideal para viver, através de um conjunto de ações de limpeza e de sensibilização levadas a cabo durante todo o festival.

O Router em Cortiça (Altice Labs) é outro exemplo da estratégia da Altice Portugal com vista a promover o país.