Sociedade

Maior parte dos novos casos registados na faixa etária entre os 30 e 39 anos

O maior aumento registou-se na faixa etária entre os 30 e os 39 anos, com 35 novos casos.

Segundo o boletim da situação epidemiológica em Portugal, revelado esta terça-feira pela DGS, já morreram 1.540 pessoas infetadas com o novo coronavírus, desde o início do surto no país, mais seis óbitos face ao boletim de ontem – o que representa um aumento de 0,39% no número de mortes.

Nas últimas 24 horas foram confirmados mais 375 casos, elevando o total de diagnósticos positivos para 39.737, que se traduz numa subida de 0,89%. Mais uma vez, a maior parte dos novos casos foram diagnosticados na região de Lisboa e Vale do Tejo, onde há 299 novas infeções (87%).

Nas últimas 24 horas, 281 pessoas recuperaram da doença. O número de recuperados é agora de 25.829.

Há 441 doentes internados, mais 17 pessoas face ao último boletim. Destes, 72 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), número que se manteve comparativamente a ontem.

A aguardar resultados laboratoriais estão 1.759 pessoas e as autoridades de saúde têm em vigilância 30.242 contactos. Neste momento há 12.368 casos ativos em Portugal.

Entre os concelhos do país com mais de mil infetados destacam-se: Lisboa, com 3.191, Sintra, com 2.325, Loures, com 1.680, Vila Nova de Gaia, com 1.622, Amadora, com 1.479, Porto, com 1.414, Matosinhos, com 1.292, Braga, com 1.256, e Gondomar, com 1.093.

Na Área Metropolitana de Lisboa, onde se encontram em vigor novas medidas para conter a propagação do vírus, destacam-se: Odivelas, com 963 casos, Cascais, com 817, Vila Franca de Xira, com 683, Oeiras, com 666, e o Seixal, com 546.

A maior parte dos casos de covid-19 estão concentrados em pessoas entre os 20 e os 59 anos. O maior aumento registou-se na faixa etária entre os 30 e os 39 anos, com 35 novos casos. Segue-se a faixa etária entre os 20 e os 29 anos, com 33 casos. 

Casos confirmados:

568 meninos e 501 meninas com menos de 10 anos;
711 rapazes e 839 raparigas entre os 10 e os 19 anos;
2.644 homens e 3.080 mulheres entre os 20 e 29 anos;
2.946 homens e 3.323 mulheres entre os 30 e 39 anos;
2.928 homens e 3.731 mulheres entre 40 e os 49 anos;
2.639 homens e 3.706 mulheres entre os 50 e os 59 anos;
1.929 homens e 2.216 mulheres entre os 60 e 69 anos;
1.372 homens e 1.535 mulheres entre os 70 e os 79;
1.630 homens e 3.411 mulheres casos com mais de 80 anos;
17 homens e 11 mulheres cujo grupo etário é desconhecido
17.383 casos do sexo masculino e 22.353 do sexo feminino

Óbitos:

1 homem e 1 mulher entre os 20 e os 29 anos;
1 mulher entre os 30 e os 39 anos;
10 homens e 7 mulheres entre os 40 e os 49 anos
34 homens e 15 mulheres entre os 50 e os 59 anos;
95 homens e 45 mulheres entre os 60 e os 69 anos;
179 homens e 119 mulheres entre os 70 e os 79 anos;
446 homens e 587 mulheres com mais de 80 anos.
765 óbitos do sexo masculino e 775 do sexo feminino

Consulte aqui o boletim na íntegra