Economia

Comissão Europeia. Orçamento de 16,7 mil milhões para 2021

Valor será reforçado com o fundo de recuperação comunitário pós-pandemia de covid-19. Em causa está o reforço na ordem de 211 mil milhões em subvenções e 133 mil milhões em empréstimos. 

A Comissão Europeia apresentou um orçamento da União Europeia no total de 16,7 mil milhões de euros para 2021, esperando que a verba seja reforçada com o fundo de recuperação comunitário pós-pandemia de covid-19. Em causa está o reforço na ordem de 211 mil milhões em subvenções e 133 mil milhões em empréstimos. 

O executivo comunitário observa, ainda, que este orçamento para 2021 está também “plenamente de acordo com o compromisso de investir no futuro, a fim de alcançar uma Europa mais verde, mais digital e mais resiliente”. Esta proposta para 2021 terá, porém, de ser adaptada ao que sairá do acordo dos líderes europeus sobre a resposta comunitária à crise, incluindo o Fundo de Recuperação pós-pandemia e o novo Quadro Financeiro Plurianual.

As negociações giram em torno das propostas apresentadas no final de maio pela Comissão de um Fundo de Recuperação da economia europeia no pós-pandemia, no montante global de 750 mil milhões de euros - 500 mil milhões em subvenções e 250 mil milhões em empréstimos -, e de um Quadro Financeiro Plurianual revisto para 2021-2027, no valor de 1,1 biliões de euros.