Politica

Presidenciais. PCP terá candidato próprio nas eleições

De acordo com o líder comunista, a candidatura terá de dar “voz ao projeto e valores de Abril, à defesa dos direitos dos trabalhadores e do povo e à afirmação da igualdade e justiça sociais, e da soberania e independência nacionais”.

O PCP vai ter candidato próprio nas eleições presidenciais de 2021. A decisão foi anunciada ontem na apresentação das principais conclusões da reunião do Comité Central do PCP.

“Em relação ao ato eleitoral para a Presidência da República que se aproxima, valorizando, como sempre fez, a importância deste órgão de soberania, enquanto garante da defesa e cumprimento da Constituição da República, o Comité Central do PCP decide a apresentação de uma candidatura própria às eleições presidenciais de 2021”, disse Jerónimo de Sousa. 

De acordo com o líder comunista, a candidatura terá de dar “voz ao projeto e valores de Abril, à defesa dos direitos dos trabalhadores e do povo e à afirmação da igualdade e justiça sociais, e da soberania e independência nacionais”.

Questionado se estaria disponível para voltar a encabeçar essa corrida, repetindo pela terceira vez as experiências de 1996 e 2006, Jerónimo de Sousa assegurou que este processo está “em avaliação” e aquelas duas idas às urnas “foram duas experiências interessantes mas que o partido tem condições de encontrar” um outro candidato.