Sociedade

Funcionária do lar é a sexta vítima mortal de foco em Reguengos

Há neste momento, segundo os dados fornecidos pelo município, 140 casos ativos.


Uma funcionária do lar de Reguengos de Monsaraz, onde surgiu um foco de covid-19, morreu esta quarta-feira, subindo assim para seis o número de vítimas mortais associados ao surto.

Segundo uma publicação partilhada na página de Facebook do município, a mulher, que tinha cerca de 40 anos, morreu "ao início da manhã na Unidade de Cuidados Intensivos covid-19 do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE)". As outras cinco vítimas mortais eram utentes do lar.

No total, houve 154 pessoas infetadas na região, das quais 140 ainda são casos ativos e oito já recuperaram. Há ainda 11 pessoas internadas, das quais 3 estão nos cuidados intensivos.

Os comentários estão desactivados.