Vinagrete

As verdades do Governo

Mas a transparência acaba por ser sempre valorizada pelos eleitores, pelo menos a prazo. E as mentiras nem sempre se aguentam muito tempo – sobretudo em eleitorados como o português, pouco dado a grandes nacionalismos.

por Pedro d'Anunciação

Nestes tempos de Covid 19 esperava-se mais transparência do Governo. A ideia de que as mentiras rendem em política pode ter ajudado Trump a ganhar eleições nos EUA ou Espanha a ser dada como limpa pelo Covid 19. Mas a transparência acaba por ser sempre valorizada pelos eleitores, pelo menos a prazo. E as mentiras nem sempre se aguentam muito tempo – sobretudo em eleitorados como o português, pouco dado a grandes nacionalismos.

Certamente Costa tem razão em dizer achar estranha a narrativa segundo a qual foi mais grave em Tancos a descoberta das armas do que o seu roubo. Ao juiz que assim pensará, e que como tal actuará, já vamos estando infelizmente habituados. Mas não deixo de recordar que Costa afirmava peremptoriamente estar convencido de que o seu ex-ministro da Defesa não estava implicado na forma pouco clara como foram recuperadas as armas em Tancos. É verdade que agora não disse praticamente o contrário. Mas lá que mudou a sua narrativa, isso mudou. Mesmo que não tenha sido para pior do que o antes referido juiz.