Sociedade

Isabel dos Santos terá exigido salário depois de bens terem sido arrestados

Segundo avançou o Público, esta manhã, a empresária terá ameaçado com processos judiciais os restantes administradores da Unitel.


Isabel dos Santos tentou receber o salário da Unitel em dinheiro vivo, após todos os seus bens terem sido arrestados pela justiça. A notícia foi avançada pelo jornal Público, que explica que a empresária e administradora da empresa de telecomunicações angolana chegou mesmo a ameaçar os restantes administradores com processos judiciais.

A empresária terá exigido que lhe fosse pago o salário, no valor de 44 mil euros, em vez de transferência bancária, logo após a justiça lhe ter arrestado os 25% que a empresária detém na Unitel

Isabel dos Santos já tinha dito que o arresto de contas em Portugal estava a impedir o pagamento de salários. Ainda segundo a mesma publicação, a empresária terá recorrido a empresas sediadas em paraísos fiscais como Malta ou Chipre, e também na zona franca da Madeira, para assumir o controlo da empresa portuguesa.