Politica

Projeto do Chega levanta dúvidas constitucionais

 Projeto propõe um “período de nojo entre o exercício de cargos governamentais e instituições públicas e privadas”

A comissão de transparência parlamentar levantou ontem dúvidas constitucionais sobre um projeto de lei do Chega, de André Ventura.

O projeto propõe um “período de nojo entre o exercício de cargos governamentais e instituições públicas e privadas” com incompatibilidade vitalícia de políticos para empresas com quem tenham negociado em nome do Estado.