Economia

MARL recebe medalha de mérito

Reconhecimento será atribuído “pelo desempenho enquanto pólo de desenvolvimento económico”.

O MARL, Mercado Abastecedor da Região de Lisboa, que está a comemorar 20 anos vai receber a Medalha Municipal de Mérito por parte da Câmara de Loures, “como reconhecimento pelo desempenho enquanto polo de desenvolvimento económico, no apoio à produção nacional, bem como à organização e modernização do comércio agroalimentar”, avança o mercado em comunicado.

Inserido no universo empresarial do Estado, o MARL é responsável pelo abastecimento a quase 4 milhões de pessoas da grande Lisboa e é considerado um dos principais pontos do país na criação de riqueza e de negócio para empresários.

No total, o MARL ocupa uma área superior a 100 campos de futebol, tem no seu interior 900 empresas que vão desde a logística, a alimentação, a venda automóvel, a distribuição, entre outras atividades, dando emprego direto a mais de 6 mil pessoas.

Diariamente, o MARL recebe cerca de 20 mil pessoas e funciona 24 horas por dia. No ano em que comemora os 20 anos, o MARL passou a ser o primeiro centro do grupo SIMAB a ter uma ecoárea própria para a separação de madeiras, plásticos, papel, cartão, bem como um ponto de recolha de monstros eletrónicos. Nos seus mais de 100 hectares tem igualmente instalada a maior central fotovoltaica da Europa em meio urbano e já disponibiliza aos operadores postos de carregamento elétrico.

Para fazer frente à pandemia originada pelo Covid 19, e de forma a apoiar os seus operadores, o Mercado desenvolveu uma parceria com uma plataforma eletrónica, mercachefe.pt, para a sua abertura às empresas que atuam no seu espaço.

Reforçou igualmente as operações de limpeza e higienização, sendo mesmo o primeiro grupo nacional a ser incluído numa experiência piloto que introduziu a limpeza das naves industriais e espaço exterior através de drone. Paralelamente, introduziu, desde a primeira hora, regras de distanciamento, novos controlos de entrada no espaço, distribuição de máscaras e viseiras aos seus funcionários e colaboradores e abriu a venda destes produtos aos seus operadores.