Economia

Concessão de crédito às empresas cresceu 5,6% em junho

Dados do Banco de Portugal revelam que esta é a taxa com o valor mais alto desde maio de 2009.

Em junho deste ano os empréstimos concedidos pelos bancos a sociedades não financeiras apresentaram uma taxa de variação anual (tva) de 5,6%, mais 0,8 pontos percentuais (pp) do que o observado no mês anterior.

Os dados foram divulgados esta segunda-feira pelo Banco de Portugal (BdP) que explica ainda que esta taxa atingiu o valor mais alto desde maio de 2009. “Para esta subida contribuíram os empréstimos concedidos às microempresas e às pequenas empresas, cujas tva aumentaram, respetivamente, 1,7 pp e 1,8 pp, para 10,6% e 8,9%”, explica o banco central.

No que diz respeito à tva dos empréstimos a particulares para habitação, esta foi de 1,5%, representando uma de 0,1 pp face a maio. Nos empréstimos para consumo, a tva foi de 4,2%, menos 0,6 pp do que no mês anterior.

O Banco de Portugal avança ainda que os depósitos de particulares nos bancos residentes totalizavam 157,5 mil milhões de euros no final de junho. A tva foi de 6,2%, valor 0,5 pp acima do registado em maio.